O openEHR é um conjunto de especificações abertas para Registros Eletrônicos de Saúde (RES). As suas principais características são:

  • Uma abordagem que separa as atribuições do profissional de informática das atribuições dos clínicos no desenvolvimento de um RES.
  • Representa de forma estruturada os conceitos clínicos (e.g. pressão arterial, diagnóstico, prescrição) utilizados na construção de RES.
  • Padrão aberto, cujo conteúdo é validado e atualizado por uma ampla comunidade internacional.
  • Combina diferentes conceitos clínicos, sendo possível construir a estrutura de um RES. A ideia é semelhante a encaixar peças de LEGO para construir diferentes objetos.

Em agosto de 2011, o Ministério da Saúde (Portaria Nº 2.073) regulamentou o uso de padrões de informação em saúde tanto para o SUS quanto para os sistemas privados e de saúde suplementar.